quarta-feira, 22 de abril de 2015

Procedimento de Desenergizar

As instalações elétricas só serão consideradas desenergizadas e liberadas para trabalhos depois dos procedimentos apropriados, descritos na NR-10.

Procedimento de Desenergizar:
• D esligar
• I mpedir
• C hecar
• A terrar
• S inalizar

Após a emissão da autorização de reenergização:
a) Retirada de todas as ferramentas, utensílios e equipamentos;
b) Retirada, da zona controlada, de todos os trabalhadores não envolvidos no processo de reenergização;
c) Remoção do aterramento temporário, da eqüipotencialização e das proteções adicionais;
d) Remoção da sinalização de impedimento de energização;
e) “Destravamento”, se houver, e religação dos dispositivos de seccionamento.

Procedimento de Bloqueio de Energias Perigosas (tag out lock out):
Deve ser realizado sempre que existirem fontes de energias perigosas a integridade física dos colaboradores / funcionários.

  • atividades elétricas
  • atividades que envolvam água quente e/pu pressurizada
  • tubulações de gases
  • partes móveis de máquinas
  • prensas e similares

O procedimento consiste em assegurar que o funcionário não estará exposto a esses riscos durante suas atividades.
Para garantir esta situação, deverão ser utilizados dispositivos de bloqueio (cadeados, travas, correntes) e sinalização de impedimento de utilização (etiquetas, cones, fitas)
Postar um comentário