quarta-feira, 22 de abril de 2015

EPI para eletricidade

Equipamentos de proteção individual - EPI

Age na ocorrência do acidente, evitando que o acidentado se machuque muito, NÃO evita o acidente, diminui a consequência, (o tamanho do estrago), logo deve ser o último recurso aplicado como medida de controle.
Também é utilizado enquanto as medidas de proteção coletivas estiverem sendo aplicadas e em casos de emergências.

Obrigações do empregado:

  • Usar, utilizando-o apenas para a finalidade a que se destina.
  • Responsabilizar-se por sua guarda e conservação;
  • Comunicar ao empregador qualquer alteração que o torne impróprio para o uso;
  • Cumprir as determinações do empregador sobre o seu uso adequado.

Obrigações do empregador:
  • Fornecer EPI correto para cada função, com CA (Certificado de Aprovação) válido.
  • Repor sempre que extraviado ou danificado.
  • A empresa deve fornecer os uniformes de trabalho
  • Não são permitidas vestimentas com peças metálicas (fechos, tachas, rebites) que possam causar curtos-circuitos, ou feitas de materiais facilmente inflamáveis.
  • É proibido o uso de adornos pessoais em instalações elétricas (colares, anéis, pulseiras, relógios), para evitar acidentes por contatos com partes energizadas, ou outros tipos de acidentes.
As medidas de Proteção Coletiva são prioritárias.
Não sendo suficientes, utilizaremos proteção individual.

Vestimenta de proteção:
O que determina o tipo de proteção pessoal é o cálculo da energia incidente a partir de um arco elétrico.
NFPA 70 E

Principais equipamentos de proteção individual:
  • Cintos de segurança, com talabarte, para eletricistas;
  • Capacetes classe “B” aba total (uso geral e trabalhos com energia elétrica testados a 30.000 V);
  • Botas com proteção contra choques elétricos, bidensidade sem partes metálicas;
  • Óculos de segurança para proteção contra impacto de partículas volantes, intensos raios luminosos ou poeiras, com proteção lateral;
  • Protetores faciais contra impacto de partículas volantes, intensos raios luminosos e calor radiante;
  • Braçadeiras ou mangas de segurança para proteção do braço
  • Antebraço contra choques elétricos e coberturas isolantes;
  • Roupa a prova de Arco elétrico – NFPA 70E
  • Luvas de cobertura para proteção das luvas de borracha;
  • Luvas de borracha com as classes de isolamento.
Cuidados com o EPI
  • O EPI é um equipamento de uso pessoal.
  • Não utilize o de outra pessoa.
  • Não use o seu capacete para retirada de água de poças ou para a guarda de materiais que possam contaminá-lo.
  • Não use o seu capacete para outros fins que não seja o de proteger sua própria cabeça.
  • Acostume-se a lavar periodicamente o seu capacete.
  • Habitue-se a lavar os seus óculos de segurança com água e sabão, para higienizá-los. Seque-os com papel ou pano limpos, para não arranhá-los.
Postar um comentário