terça-feira, 20 de abril de 2010

RISCO x PERIGO - DEFINIÇÕES

RISCO e PERIGO qual a definição correta entre ambos?

Existe em minha NR um glossário onde dá a seguinte definição:
RISCO: capacidade de uma grandeza com potencial para causar lesões ou danos a sáude das pessoas.
PERIGO: situação ou condição de risco com probabilidade de causar lesão física ou dano à sáude das pessoas por ausência de medidas de controle.
Pois bem segundo essa definição fica claro que todo perigo é um risco não controlado.

Já a definição que o livro segurança e sáude no trabalho (cidadania, competitividade e produtividade) da editora qualitymark dos autores Prof. marco antônio f. da costa e prof. maria de fátima barroso da costa, ambos eng. e prof. renomados da fiocruz, diz o seguinte:
"diz que é importante fixar que o perigo é fonte (causa) e o risco é a consequência."
e dá uma ilustração para melhor compreendermos diz que segundo OKRENT (citado por Quitanda, 2001) diz "duas pessoas cruzando um oceano, uma em um navio e outra em um barco a remo. o principal perigo de águas profundas e grandes ondas é o mesmo nos dois casos, porém o risco ( ou seja, a probabilidade de acontecer algum dano) é muito maior para a pessoa que está no barco a remo."
logo o risco é todo perigo não controlado, ele até usa uma regra para conceituar esta definição.

RISCO (R) = PERIGO (P) x ESPOSIÇÃO (E). ou seja eu tenho risco de acordo o quanta eu fico exposto ao perigo.

Já a 1° definição diz o PERIGO = RISCO X EXPOSIÇÂO ou seja eu tenho perigo de acordo o quanto fico exposto ao risco. Esta definição encontra-se do glossário da NR - legislaçãode segurança e sáude no trabalho - normas regulamentadoras do ministério do trabalho e emprego, da editora gvc 7° edição de 2009 pág.272 encontra-se na NR 10.

Segundo a lingua inglesa diferencia os termos RISCO (RISK) e situação PERIGOSA (HAZARD) a palavra hazard tem origem árabe (AZ-ZAHR) e significa "o dado", fazendo referência ao jogo de azar jogado com dados. Na realidade os dois termos implicam condições que incluem eventos adversos..
perigo é uma palavra de origem latina - PELICULUM (contigência iminente ou não de perder alguma coisa ou de que suceda um mal) os perigos, segundo (castro, 2000) dividen-se em: NATURAIS, ANTRÓOICAS OU SOCIAIS E AMBIENTAIS.

Partindo-se do princípio que as NR´s tem força de LEI no país, segue-se a definição do glossário das mesmas, ou seja Perigo é a exposição ao Risco
Postar um comentário