terça-feira, 30 de março de 2010

Segurança com prensas de punção

Você já parou para pensar quantas maneiras diferentes existem para alguém se machucar no trabalho?
As estatísticas de ferimentos indicam que existem pelo menos 20 maneiras diferentes para ser ferido enquanto se trabalha com prensas. Pelo menos, este é o número de categorias registradas para 651 acidentes com prensas durante um ano em apenas um estado.
Os principais tipos de ferimentos são as amputações, lacerações e esmagamentos. As principais categorias são “prensamento de partes do corpo” e “falta de proteção”.
Mas, em vez de considerarmos as muitas formas diferentes de nos ferirmos, discutiremos as muitas formas que temos para não nos ferir. Em outras palavras, vejamos os cuidados de segurança com os quais todos devem estar familiarizados.
Existem várias regras básicas de segurança que se aplicam a todo trabalho. O trabalho de operador de prensa de puncionamento não é exceção à regra.
Só para começar, nunca opere uma prensa que não esteja equipada com as proteções adequadas, ou com dispositivos de segurança. Não ajuste ou remova as proteções e os dispositivos de segurança, ou faça reparos em sua prensa sem a autorização de seu supervisor. Relate todo barulho incomum ou peças soltas em sua prensa.
Estas regras são valiosas, não apenas porque enfatizam a segurança mas também porque reforçam a importância de manter seu supervisor informado sobre tudo que está relacionado com seu trabalho.
A prontidão mental é importante em qualquer trabalho, particularmente se este trabalho precisar ser feito com segurança.
Assim sendo, dê plena atenção a seu trabalho e não se distraia enquanto estiver trabalhando.
A evidência da necessidade de manter uma comunicação estreita com seu supervisor é vista nas seguintes medidas de segurança: não use luvas enquanto estiver operando uma prensa, a menos que seja absolutamente necessário e apenas após obter a permissão de seu supervisor. Diga a seu supervisor se os controles estão agarrando ou se estão frouxos, ou se atuam quando movimentam uma quantidade menor do que a
especificada pelo fabricante.
A organização segura do local de trabalho é um outro principio básico importante para todas as tarefas. Mantenha as ferramentas e outros materiais afastados de sua prensa e mantenha a área de trabalho limpa e livre de objetos que possam provocar uma queda. Além disto avise ao seu supervisor se sua área de trabalho ou ponto de operação estiver mal iluminado.
Alguns outros pontos que devem ser lembrados: veja se sua prensa está lubrificada e se suas peças estão em boas condições de trabalho. Se você usar uma ferramenta, verifique-a regularmente para certificar-se de que esteja firme no lugar e que não vai inclinar inesperadamente.
Resumindo tudo, fique alerta no trabalho e não tente ajustar ou reparar uma prensa sem a permissão de seu supervisor.
Muitos ferimentos sérios são provocados por disfunções mecânicas.
Assim sendo, é importante ter uma pessoa competente fazendo a manutenção da prensa.
Esta é uma grande lista de cuidados, mas não significa muito em si mesma. Porém, junte a ela a sabedoria e o bom senso de um bom operador de prensa. Com isto você obterá segurança.
Postar um comentário