terça-feira, 30 de março de 2010

Cuidados a serem observados na utilização de bicicletas

A bicicleta, além de ser usada no lazer, é largamente utilizada como meio de transporte. Daí a necessidade de um bom conhecimento de normas de segurança
para os empregados que se utilizam desse meio de transporte para se locomover da residência para o serviço e vice-versa, visando com isso, evitar danos pessoais ou materiais.

MEDIDAS PREVENTIVAS COM RELAÇÃO AO CICLISTA:

  • É necessário conhecer as regras para dirigir nas ruas e avenidas.
    E, como veículo mais frágil, o ciclista deve ser um exemplo de disciplina;
  • É preciso lembrar que a bicicleta não é um brinquedo, mas sim, um veículo e, portanto, subordinado às regras de trânsito;
  • A bicicleta é um veículo projetado para o transporte individual.
    Cada vez que o ciclista levar mais pessoas estará prejudicando seu equilíbrio.
  • O equilíbrio e o reflexo são fundamentais na prevenção de acidentes, por isso, é preciso que o ciclista pedale confortavelmente e bem protegido, para que possa reagir rápida e
    livremente no momento que surgir uma oportunidade de acidente. Recomendamos ao transportar pequenas cargas no bagageiro, por menores que sejam, mantê-las amarradas
    corretamente;
  • Devem ser colocados dispositivos refletivos nas laterais da bicicleta, pedais e rodas nas partes traseira e dianteira, para que possa ser visto por outros veículos durante a noite.
  • Ao sair de um local de trabalho, onde haja um grande número de bicicletas, conduzir a bicicleta a pé, até alcançar a rua;
  • Ao atingir a via pública, deve-se montar a bicicleta com atenção redobrada. A grande maioria dos acidentes ocorre nas áreas próximas das fábricas, oficinas, depósitos, locais
    de trabalho, etc., ocasionadas pela fase de “aquecimento” em que o ciclista sai do estado de “inércia”;
  • Procure não andar em grupos. Além de ser totalmente inseguro, prejudica o fluxo do tráfego;
  • Andar sempre com as pernas voltadas para o quadro da bicicleta e nunca com o joelho para fora;
  • Mantenha a mão sempre sobre o guidão, em condições de acionar os freios. Recomenda-se acionar os freios traseiros em primeiro lugar e após os freios dianteiros;
  • Lembre-se que os condutores de outros veículos se preocupam com outros veículos grandes. Muitas vezes eles, não vêem a bicicleta. Portanto fique de olho, em você e nos
    outros;
  • Procure ficar atento aos carros estacionados, porque sempre existem motoristas distraídos que poderão sair do estacionamento sem dar sinal, sem observar a sua chegada/
    aproximação, bem como abrir a porta;
  • Jamais pegar carona com outros veículos. Isto constitui num grande risco;
  • Tomar cuidado com os animais de pequeno e grande porte nas ruas;
  • Andar sempre no mesmo sentido do tráfego, jamais contra ele. Assim os condutores de outros veículos poderão vêlos a uma distância suficiente que lhes permita desviar;
  • Respeitar os sinais de trânsito, vias preferenciais, esquinas, etc., e quando intencionar dobrar para esquerda ou direita, deve-se esticar o braço, movimentando para cima e
    para baixo;
  • Estacionar e guardar a bicicleta em local seguro para não atrapalhar a circulação, evitando também furto do seu veículo;
  • Não dirigir com sintomas de embriaguez, nem mesmo quando estiver se sentindo mal;
  • Procurar descer da bicicleta e levá-la empurrando, quando estiver em local de difícil acesso como carreiros muito estreitos, beira de linha férrea onde existe muitas pedras soltas,
    etc.;
  • Quando atravessar as linhas férreas e passagens de nível, deve-se tomar toda cautela possível. Jamais atravessar dirigindo;
  • Lembre-se que, quanto maior a velocidade da bicicleta, maior será a gravidade em
    caso de acidente.
Postar um comentário